Por que usar o rhBMP-2?

Home

Fraturas abertas de Tíbia trata-se de um dos maiores desafios na Trauma porque a consolidação acontece de maneira lenta ou muitas vezes nem se completa (fratura de não união). Aproximadamente 62% das não uniões acontecem na tíbia. Como conseqüência, fraturas abertas de tíbia freqüentemente requerem várias intervenções cirúrgicas para atingir a consolidação do osso, o que na maioria das vezes, impede o paciente de retornar ao seu trabalho e até mesmo as suas atividades normais. Após severas fraturas abertas de tíbia, somente 28% retornam ao seu trabalho original.

O Recombinante humano BMP-2 auxilia no tratamento de fratura aberta de tíbia ao estimular formação de osso novo e consolidação da fratura. Este material é usado em adição aos tratamentos padrões, com controle de infecção da fratura e estabilização do osso.

Uma vez que o osso está estabilizado com fixadores externos ou hastes intramedulares ou qualquer outra opção de escolha do profissional de saúde, o cirurgião preparará o INFUSE® e colocará ao redor da fratura óssea, envolvendo-a.

Uma vez aplicado, então o cirurgião pode fechar a fratura e suturar o tecido.

Resultados Clínicos: INFUSE® combate os desafios de fraturas abertas de Tíbia

      


“As informações constantes neste site são de caráter meramente informativo. Elas não devem substituir o relacionamento e consulta ao seu profissional de saúde. Somente ele pode definir o diagnóstico e melhor tratamento para a sua necessidade.

Este site é patrocinado pela Dabasons, empresa que distribui o produto rhBMP-2 para reparo ósseo.

Proibida a reprodução deste material sem previa autorização. Todos os direitos (de imagem, autorias e intelectuais) são reservados aos detentores das marcas.”